Paris tem muitos Bairros interessantes, mas o charme do Bairro do Marais e único! Sempre temos um pouco mais de Paris para conhecer, esse bairro que quer dizer pântano em francês e que viveu ha tempos atrás um declínio, hoje é um dos lugares mais charmosos e contemporâneos para que você possa caminhar e descobrir um pouco sobre a vida parisiense!

O bairro do Marais fica localizado entre o terceiro e o quarto arrondissements (divisão administrativa que vai do 1eme ao 20eme), do lado direito do Rio Sena na margem norte.

O Marais é um dos bairros mais antigos da capital, ele tem uma forma muito semelhante à de um triângulo, no qual os vértices são a Praça da Bastilha, a Place de la Republique o Hôtel de Ville.

Apesar de ser antigo e medieval o bairro foi e continua sendo muito influenciado pela população judaica com sinagogas espalhadas e hoje a população também mudou para a população LGBT com várias baladas interessantes para o público.

É nessa mistura de mansões dos séculos XVII e XVIII, com lugares contemporâneos, que o Marais tornou-se um ótimo lugar para caminhar, já que a região é cheia de lojas, cafés, bares, galerias de arte, livrarias e lojas de grife.

Um dos principais lugares da região é a Place des Vosges, a praça mais antiga de Paris e o coração do lugar. A Place des Vosges foi inaugurada em 1612 para celebrar o casamento de Louis XIII e a princesa Anne da Áustria e se tornou referência para a construção de todas as outras praças europeias da época, ela é considerada uma das mais belas do mundo, por causa de sua simetria. São 36 casas, 9 de cada lado de um quadrado simétrico, além disso, as casas são de tijolos vermelhos e por debaixo delas galerias permanecem como há 400 anos.

Em uma das galerias fica a Casa de Victor Hugo localizada na elegante mansão Rohan-Guéménée (número 6). A casa que antes era do escritor e poeta Victor Hugo (autor de livros famosos com O Corcunda de Notre-Dame e Os Miseráveis) hoje funciona como um museu com uma exposição permanente com entrada gratuita que mostra como era a vida e as obras dele.​

Outro lugar imperdível é conhecer os “Hôtels Particuliers” ou Hotéis Particulares que apesar do nome não eram hotéis e sim palacetes que abrigaram a aristocracia parisiense antes do Rei Sol (Louis XIV) se mudar para o palácio de Versalhes, hoje a maioria é utilizado para museus e instituições públicas. Um dos principais é o Hôtel Salé, onde fica o Museu Picasso que conta com mais de 5 mil obras, entre pinturas, cerâmicas e esculturas, incluindo o quadro “Mulher sentada” – homenagem que o pintor fez para a à Françoise Gilot, que estava grávida de sua filha, Paloma.

​Uma área mais contemporânea do bairro é o Centro Pompidou ou Beaubourg como é chamado pelos franceses, o prédio tem um design moderno (em estilo high-Tech) e mais arrojado cheio de canos e cores e foi projetado pelos arquitetos Richard Rogers e Renzo Piano. No ano de 2017 o museu completou 40 anos! A visita já é válida só pela vista que dá para ter de dentro dos tubos, de um lado dá para ver a torre Eiffel, do outro, a Sacre Coeur, mas além disso, dentro do complexo funciona o Museu Nacional de Arte Moderna (MNAM), a Biblioteca Pública de Informação (BPI) e o Instituto de Pesquisas Musicais (IRCAM).

​O Museu Nacional de Arte Moderna, que é o maior museu europeu de arte moderna, foi inaugurado em 1961 e conta com mais de 8.000 obras, incluindo as criações de alguns grandes mestres, como Pablo Picasso, Henri Matisse, Raoul Dufy, Georges Braque, Amedeo Modigliani, André Derain e Alberto Giacometti. Em frente ao museu há a Praça Igor Stravinsky, com esculturas da artista francesa Niki de Saint Phalle, super criativa e colorida a praça faz valer a pena uma visita.

Para quem gosta de compras a dica é conhecer a Loja de Departamentos “Le BHV” uma das mais tradicionais lojas de departamento de Paris, são quase 900 marcas, das mais acessíveis às mais importantes.

No bairro você ainda encontra os famosos sabonetes artesanais e muito cheirosos da cidade de Marselha, na La Maison du Savon de Marseille e se estiver procurando artigos domésticos tire um tempinho para conhecer a Fleux a loja possui vários objetos criativos e cheios de estilos.

​Na culinária o bairro não deixa a desejar, o L’As du Falafel vende o mais famoso falafel que são bolinhos de grão de bico temperados, além disso, se preferir algo doce o bairro conta com o Pierre Hermé uma das melhores lojas de macarons da cidade.

Ficou com vontade de conhecer o bairro Marais? Vamos eu te levo. A Paris Tour BR possui pacotes exclusivos para que você conheça esse e outros destinos incríveis na França de forma personalizada. Entre em contato conosco pelo WhatsApp: +33615287367 e faça sua reserva para esse tour!